Seguidores

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

FUTSAL - PRINCIPAL - O ala Juninho, tentará em 2013, manter a sua liderança no topo da artilharia geral da equipe da Barra Funda / Tomodati.


Alexandre Feijão / 2012.
O ala Juninho encerrou a Temporada 2012 com 32 gols marcados, em 17 jogos, tendo a média de  1,88 gol / jogo. No Futsal, ele é o maior artilheiro da Associação Esportiva Barra Funda.



Se na equipe Principal de Futebol 7 da Associação Esportiva Barra Funda, Diego é o seu maior artilheiro, quem manda no Ranking dos goleadores da equipe Principal de Futsal da Associação Esportiva Barra Funda / Restaurante Tomodati, é o ala Juninho. Ao todo, ele marcou até agora, 42 gols em 24 partidas disputadas, o que lhe confere a ótima média de 1,75 gol / jogo. Esse faro do gol que ele possui nas quadras, ficou evidenciado na conquista do troféu de artilheiro da V Copa Verão 2012, competição organizada pela Liga de Futebol de Salão de Guarujá, onde ele anotou 23 gols no certame. A Barra Funda / Tomodati foi campeão nessa oportunidade. No total, Juninho marcou 32 gols no ano de 2012, nos 17 jogos em que ele atuou, tendo a média de 1,88 gol / jogo. Em seguida, temos a presença do fixo Diego, com 17 gols em 12 jogos, média de 1,42 gol / jogo. Na 3ª colocação, observamos o pivô Jadson, com 14 tentos em 17 partidas, lhe dando a média de 0,82 gol / jogo.



Alexandre Feijão / 2011.
Ao lado do ala Juninho, o pivô Márcio Japonês 'encerrou' o ano de 2011 com 10 gols marcados pela equipe da Associação Esportiva Barra Funda / Restaurante Tomodati. Os dois empataram em número de jogos: 7. 



Em 2011, ano em que a equipe Principal da Associação Esportiva Barra Funda voltou a disputar competições de Futsal, graças a parceria concretizada com o Restaurante Tomodati, o "Ranking de Artilheiros" da equipe terminou com 2 atletas empatados na liderança. O ala Juninho e o pivô Márcio Japonês, fizeram 10 gols, em 7 jogos daquela Temporada, com média de 1,43 gol / jogo. Na vice-liderança, o pivô Jadson fez 5 gols em 8 jogos, média de 0,63 gol / jogo. O 3º lugar ficou empatado entre os fixos Vlademir, Adalberto e Wilson, todos com 4 gols, mas tendo Vlademir realizado 2 jogos (média de 2,00 gol / jogo), enquanto Adalberto e Wilson fizeram 5 (0,80 gol / jogo de média).



Alexandre Feijão / 2008.
O fixo Diego encerrou a Temporada de 2008 com 10 gols em 15 jogos disputados pela Associação Esportiva Barra Funda, 'em tempos' anteriores ao da parceria com o Restaurante Tomodati.



Sem a parceria com o Restaurante Tomodati, a Associação Esportiva Barra Funda disputou 19 partidas pelas competições organizadas pela Liga de Futebol de Salão de Guarujá em 2008. Nesse ano, o fixo Diego foi o maior artilheiro da equipe Principal, com 10 gols anotados em 15 jogos, ficando com a média de 0,67 gol / jogo. O ala Paulinho, foi o segundo classificado entre os artilheiros, com 9 gols em 12 jogos, com média de 0,75 gol / jogo. O pivô Jadson vem na sequência, com 7 tentos em 8 partidas, média de 0,88 gol / jogo. Esse ano teve a marca de um goleiro-artilheiro pela 1ª vez, já que Bambam fez 2 gols, nas 15 partidas em que disputou, tendo a média de 0,13 gol / jogo. Esse fato só voltou a ser repetido no ano passado (2012), quando o goleiro Thiago fez também 2 gols, mas em 9 jogos, tendo a média de 0,22 gol / jogo. Veremos agora em 2013, quais serão os principais nomes entre os goleadores e se algum goleiro, superará a marca dos 2 únicos autores de gols na história da equipe Principal da Associação Esportiva Barra Funda / Restaurante Tomodati.



Alexandre Feijão / 2008.
Em 2008, o goleiro Bambam foi o primeiro goleiro a ter gols 'anotados' pela equipe Principal da Associação Esportiva Barra Funda. Foram 2 gols. O goleiro Thiago, repetiu o mesmo número de gols, em 2012.





PATROCÍNIO - FUTSAL - PRINCIPAL








sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

TÚNEL DO TEMPO - De uniforme 'emprestado', Barra Funda disputava Campeonato Guarujaense de Futebol Society 2005.


Edu Souza / 2005.
Associação Esportiva Barra Funda:
Em pé: Pezão, Felipe, Sérgio, Bambam e Fábio 'Cenoura' (Treinador);
Agachados: Bira, Pial, Bruno e Paulinho.



Nem sempre a Associação Esportiva Barra Funda podia contar com uniformes próprios para os seus quadros esportivos. Quando acontecia uma situação dessas, a Diretoria do clube apelava para a amizade com clubes-irmãos, e conseguia o empréstimo de fardamentos completos para uso nas disputas de algumas competições. Em 2005, isso ocorreu, para a disputa do Campeonato Guarujaense de Futebol Society 2005, que era realizado no campo de gramado sintético do Gol 2000.



Alexandre Feijão / 2008.
O zagueiro Sérgio 'desfilou' sua 'elegância' de 'futebol clássico' na equipe Principal da então Sociedade Esportiva Barra Funda, por várias temporadas. Ele está presente na foto acima.



O uniforme retratado acima, pertencia ao time da AMOI, que é uma empresa de Manutenção e Operação Industrial, atuante na área da antiga Cosipa, hoje conhecida como Usiminas, na cidade de Cubatão-SP. A empresa sempre formava boas equipes, que se destacavam nos campeonatos internos da Siderúrgica paulista. Campeonato conhecido como Cosipão, reunia além de outras empresa terceirizadas, equipes dos setores da ex-estatal, como o time do LTQ (Laminador de Tiras a Quente). Na foto acima, podemos observar a presença de 2 atletas que eram funcionários da AMOI: O meio Bira e o zagueiro Bruno. Além  desses 2, o zagueiro Pezão, o zagueiro Sérgio e Treinador Fábio 'Cenoura', também foram funcionários da empresa, por um determinado momento.



Alexandre Feião / 2008.
O goleiro Bambam já fazia parte do Elenco da equipe Principal da Associação Esportiva Barra Funda, desde aquele ano de 2005, atuando no time até os dias de hoje.




Na foto, podemos observar as presenças dos seguintes atletas: Em pé: Pezão - zagueiro; Felipe - pivô; Sérgio - zagueiro; Bambam - goleiro; e Fábio 'Cenoura' - Treinador. Agachados: Bira - meio; Pial - pivô; Bruno - zagueiro; e Paulinho - ala. Dessa formação, o único que continua ativamente jogando pela Barra Funda, é o goleiro Bambam, que faz parte do elenco de 2013 da equipe Principal de Futebol 7. Já Paulinho e Fábio 'Cenoura', fazem parte da Diretoria do clube na atualidade; o primeiro é Vice-Presidente Esportivo e o outro é o 1º Vice-Presidente. Outra curiosidade cerca o pivô Felipe. Ele é o atleta com maior média de gols por partida da história da Barra Funda, no Futebol 7. Sua marca é de 1,97, onde ele balançou as redes por 69 vezes, em 35 jogos. o último fato pitoresco, fica por conta do Treinador nessa foto, Fábio 'Cenoura'. Acostumado a estar dos lados de dentro dos campos, Cenoura curtiu uma fase de Treinador, graças a impossibilidade do Treinador Alexandre 'Feijão' em estar presente nos jogos aos finais de semana, por motivos de trabalho. Era o ano de 2005... 8 anos já se passaram... Direto do Túnel do Tempo...



Alexandre Feijão / 2008.
Na foto da equipe em  2005, ele posou como Treinador do Principal da Barra Funda. Fábio 'Cenoura' estava mais acostumado a ocupar posição no time, do lado de dentro das '4 linhas', como na foto acima.




terça-feira, 22 de janeiro de 2013

SOCIAL - Nova reunião de Diretores da Associação Esportiva Barra Funda, projetam o ano de 2013.


Branca Alencar / 2013.
A Diretoria da Associação Esportiva Barra Funda esteve reunida na noite de hoje (22/01), para deliberar assuntos relevantes para o bom andamento do clube.



A Diretoria da Associação Esportiva Barra Funda esteve reunida mais uma vez em 2013, na noite de hoje (22/01), para discutir assuntos relevantes para o clube no ano que recém se iniciou. Dentre os assuntos em pauta, o mais importante que foi relatado a todos os presentes, é sobre a situação financeira atual da entidade. Apesar de não viver um superávit, o clube enxerga boas perspectivas para que haja um equilíbrio na balança econômica. Para isso, algumas ideias foram relacionadas pelos que estavam na reunião e medidas serão tomadas para que esse momento pouco favorável se reverta.






Ainda no campo social,  foi determinada as regras que estarão em vigor no retorno da recreação esportiva dos sócios,  com o Futebol 7 no campo 1 do Gamma Esportes, nas noites de quinta-feira, já a partir de 07 de fevereiro. Foi lançada a ideia de uma remodelagem no distintivo do clube, aproveitando-se do fato que esse ano será comemorado o Jubileu de Prata da Barra Funda, com os seus 25 anos de criação. Acredita-se que na próxima reunião da Diretoria, que ocorrerá no dia 19 de fevereiro, alguns esboços já poderão ser apreciados. Em resumo, esses foram os principais assuntos em pauta, da Diretoria da Associação Esportiva Barra Funda.



Branca Alencar / 2012.
Diretoria da Associação Esportiva Barra Funda.






APOIO:












sábado, 19 de janeiro de 2013

FUTEBOL 7 - PRINCIPAL - Estreia adiada em 2013. O jogo entre Barra Funda e Chapadão, de Bertioga-SP, foi remarcado para o dia 04 de fevereiro.


Marcelo / 2012.
Associação Esportiva Barra Funda:
Em pé: Bambam, Carlinhos, Carlitos e Alexandre 'Feijão' (Treinador);
Agachados: Antônio, Diego, Toupeira e Brunão.



A estreia da equipe Principal da Associação Esportiva Barra Funda, que aconteceria na próxima segunda-feira, dia 21 de janeiro, em Bertioga-SP, foi adiada. Diante da impossibilidade do adversário, a equipe do Chapadão / Amigos da Bola Futebol & Samba, em jogar nessa data, já que os mesmos estarão participando de uma competição de Beach Soccer na sua própria cidade, o jogo teve o seu adiamento acertado, mas já com uma nova data definida, no dia 04 de fevereiro, com início para às 19 horas.



Alexandre Feijão / 2012.
O ala Juninho é um dos atletas que estariam representando a Associação Esportiva Barra Funda, no próximo dia 21, contra o Chapadão, em Bertioga-SP. Jogo foi remarcado para o dia 04 de fevereiro.



As duas equipes já são velhas conhecidas, já que fizeram ao todo, 9 jogos amistosos. A Barra Funda leva uma boa vantagem de vitórias, com o número de 7 jogos. O Chapadão venceu uma única vez, mesmo número de empates entre os times. O último jogo disputado entre elas, foi no dia 23 de julho do ano passado, com vitória da Barra Funda por 4 a 3. A Diretoria da Barra Funda, tentará marcar um jogo inaugural, antes da realização do encontro entre os dois clubes.



Alexandre Feijão / 2012.
O meio Ganso, da Associação Esportiva Barra Funda, vive a expectativa de ser novamente convocado para o jogo diante do Chapadão, que agora  será no dia 04 de fevereiro, na cidade do Bertioga-SP.







APOIO - FUTEBOL 7 - PRINCIPAL









sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

SOCIAL - As noites de quinta no Gama voltarão, mas agora, somente para os associados da Barra Funda.


Alexandre Feijão / 2012.
As noites de quinta-feira no Gama estarão de volta à partir do próximo dia 07 de fevereiro. Agora, essas noites serão dedicadas aos sócios da Associação Esportiva Barra Funda.



As tradicionais noites de quinta-feira, em que a Associação Esportiva Barra Funda era encontrada no Gamma Esportes, seja na disputa de jogos amistosos e treinamentos da sua equipe Principal, ou nos jogos da equipe de "Trintões", e até mesmo em partidas comemorativas entre sócios e ex-atletas do clube, voltarão no próximo dia 07 de fevereiro. Só que, com algumas diferenças. A primeira grande diferença será por conta da alteração do nome do local. Antes conhecido como Gamma Esportes, agora o local, que conta com nova direção desde o início de 2013, foi rebatizado com o nome de Centro de Treinamento Gama Astúrias. O horário também sofreu uma alteração. Agora o horário compreendido entre às 21 até as 22 horas, pertence a Barra Funda.



Alexandre Feijão / 2009.
Em tempos passados, as quintas-feiras eram aproveitadas para os treinamentos da equipe Principal da Associação Esportiva Barra Funda, preparativos para as disputas dos Campeonatos Paulista.



Mas a mudança mais significativa para essas noites de quinta-fera, fica por conta de quem poderá usufruir desse horário. Foi definido pela Diretoria da Associação Esportiva Barra Funda, que os associados do clube terão o direito de utilizar o horário para a disputa de rachões por 3 quintas por mês (ou 4, no caso de haver um mês com 5 quintas). A quinta-feira restante do mês, ficará para a marcação de jogos amistosos para a equipe Principal. Os sócios que estiverem dispostos a utilizar desse benefício, terá acrescido o valor de R$ 5,00 da sua mensalidade, perfazendo-se o total de R$ 25,00. O mesmo valor será cobrado para os atletas da equipe Principal, ou dos "Trintões", que quiserem fazer parte dessas pelejas, e assim, associar-se ao clube. Ficará a cargo do Diretor de Futebol do clube, o Sr. Diego Loureiro Lobo Santos, a divisão das equipes nos dias de rachão.



Alexandre Feijão / 2012.
Além dos jogos amistosos das equipes Principal e de "Trintões" da Associação Esportiva Barra Funda, as noites de quinta também eram aproveitados para jogos comemorativos, entre associados e ex-atletas do clube.






APOIO:










FUTEBOL 7 - PRINCIPAL - Fluminense-RJ perde nos pênaltis e dá adeus à 44ª Copa São Paulo de Futebol Júnior 2013.



arquivo pessoal: Diego Gonçalves / 2012.
Não foi possível que o Fluminense Football Club, do Rio de Janeiro-RJ, do meia Diego Gonçalves, continuasse na disputa da 44º Copa São Paulo de Futebol Júnior 2013.



O sonho do jovem meio campista Diego Gonçalves, em chegar à Final da 44ª Copa São Paulo de Futebol Júnior 2013, representando a equipe do Fluminense Football Club, chegou ao fim na última terça-feira (15/01). Após empatarem no tempo normal com a equipe do Cruzeiro Esporte Clube, de Belo Horizonte-MG, pelo placar de 1 a 1, e serem derrotados nas cobranças de penalidades, por 5 a 3, o Fluminense-RJ adiou a tentativa de conquistar sua 6ª edição da competição. O jogo foi realizado no Estádio "Martins Pereira", na cidade de São José dos Campos-SP. O Fluminense-RJ é pentacampeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, sagrando-se vitorioso nos anos de 1971, 1973, 1977, 1986 e 1989, sendo o segundo maior vencedor da competição.




Federação Paulista de Futebol 7 (Society) / 2010.
Diego Gonçalves (direita, de azul) foi atleta da Associação Esportiva Barra Funda, na disputa do Campeonato Paulista de Futebol 7 (Society) 2010 - 1ª Divisão.



Na partida entre Fluminense-RJ e Cruzeiro-MG, Diego Gonçalves entrou no intervalo do jogo, mas foi sacado quase 20 minutos depois pelo Treinador Marcelo Veiga, num possível descontentamento do mesmo, no rendimento do atleta. O Fluminense-RJ teve uma grande chance de classificação, quando nos minutos finais do jogo, o atacante Biro Biro podia sacramentar a vitória, ao cobrar um pênalti sofrido por ele mesmo. Só que Biro Biro escorregou e errou o pênalti, provocando assim a continuidade do resultado, chegando as cobranças alternadas de penalidades. Biro Biro perdeu novamente um pênalti, defendido pelo goleiro Charles, do time mineiro. Com esse resultado, o Flu deu adeus ao campeonato. Diego Gonçalves jogou na posição de ala pela Associação Esportiva Barra Funda no ano de 2010, durante a disputa do Campeonato Paulista de Futebol 7 (Society) - 1ª Divisão. Apesar da derrota, a Associação Esportiva Barra Funda apoia e torce para que Diego Gonçaves dê uma continuidade na sua carreira de jogador, chegando ao patamar de atleta profissional.




site do Fluminense Football Club: www.fluminense.com.br / 2013.
Diego Gonçalves é o primeiro atleta na reprodução acima, da lista de atletas do elenco de juniores do Fluminense Football Club, do Rio de Janeiro-RJ.







APOIO - FUTEBOL 7 - PRINCIPAL







terça-feira, 15 de janeiro de 2013

FUTEBOL 7 - PRINCIPAL - O Fluminense-RJ, de Diego Gonçalves, joga hoje (15/1) às 18:30 h., pela 2ª fase da 44ª Copa São Paulo de Futebol Júnior 2013.


arquivo pessoal: Diego Gonçalves / 2012.
Diego Gonçalves faz parte do Elenco de atletas do Fluminense Football Club, do Rio de Janeiro-RJ, na disputa da 44º Copa São Paulo de Futebol Júnior 2013.



Se o jovem meio campista Diego Gonçalves não teve chances de entrar na última partida da sua equipe, o Fluminense Football Club, no Domingo (13/1) passado, no empate em 2 a 2 contra a Associação Esportiva Velo Clube, da cidade de Rio Claro-SP, hoje (15/1), às 18 horas e 30 minutos, ele terá uma nova chance de atuar pela 44ª Copa São Paulo de Futebol Júnior 2013. O jogo entre o Tricolor das Laranjeiras, e a equipe do Cruzeiro Esporte Clube, de Belo Horizonte-MG, será realizado no Estádio "Martins Pereira", na cidade de São José dos Campos-SP. A equipe mineira, é a atual campeã brasileira na categoria Sub 20, enquanto o Flu, vem do título carioca na mesma categoria e o vice-campeonato da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2012. O jogo terá a transmissão pela TV, nos canais ESPN Brasil e SporTV (canais de TV a cabo).




Federação Paulista de Futebol 7 (Society) / 2010.
Diego Gonçalves (direita, de azul) foi atleta da Associação Esportiva Barra Funda, na disputa do Campeonato Paulista de Futebol 7 (Society) 2010 - 1ª Divisão.



Diego Gonçalves jogou como ala pela Associação Esportiva Barra Funda no ano de 2010, durante a disputa do Campeonato Paulista de Futebol 7 (Society) - 1ª Divisão. Pela atual Copa São Paulo, Diego Gonçalves foi aproveitado pelo seu Treinador, Marcelo Veiga, nas duas primeiras partidas: 6 de janeiro, na vitória do Fluminense-RJ por 2 a 0 sobre o Atlético Acreano-AC; e dia 9 de janeiro, em nova vitória do Flu, pelos mesmos 2 a 0, mas dessa vez sobre o Itaúna-MG. O Fluminense-RJ acumula 5 títulos da Copa São Paulo de Futebol Júnior (nos anos de 1971, 1973, 1977, 1986 e 1989), sendo o segundo maior vencedor da competição. Mais uma vez, a Associação Esportiva Barra Funda torce pelo sucesso de Diego Gonçaves na sua carreira de jogador, futuro atleta profissional.




arquivo pessoal: Diego Gonçalves / 2013.
Camisa 16 do Fluminense Football Club na disputa da 44ª Copa São Paulo de Futebol Júnior 2013, Diego Gonçalves estará a disposição do Treinador Marcelo Veiga para partida frente ao Cruzeiro--MG.







APOIO - FUTEBOL 7 - PRINCIPAL







segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

FUTSAL - SUB 13 - Treinador da categoria, o Professor Marcus Vinícius 'Siri', ministra aulas de Exercício Funcional.


Alexandre Feijão / 2012.
O Professor Marcus Vinicius 'Siri', além de Treinador da equipe de Futsal Sub 13 da Associação Esportiva Barra Funda, ministra aulas de Exercício Funcional. Aos interessados, ligue: (13) 9644-1979, ou entre em contato atarvés do e-mail: marcus.sirigja79@hotmail.com .



Treinador da categoria Sub 13 da Associação Esportiva Barra Funda desde a sua criação, no ano passado, o Professor Marcus Vinicius Ferreira de Oliveira, ou mais popularmente conhecido como Professor Siri, vem ministrando aulas de Exercício Funcional aos interessados nesse método de treinamento para a melhoria do condicionamento físico. Formado em 2003 pela Universidade Monte Serrat (Unimonte), em Santos-SP, e professor credenciado pelo CREF-SP, sob o número 090012G-SP, Siri desenvolve suas atividades geralmente na Praia dos Astúrias, mas deixa seus alunos com a liberdade da escolha do local de trabalho. Para entrar em contato com o Professor Marcus Vinicius Siri, pode ser através de e-mail: marcus.sirigja79@hotmail.com, ou ligar para o celular: (13) 9644-1979.



Folder - Marcus Vinicius Siri / 2012.
Folder  (capa) sobre Exercício Funcional desenvolvido pelo Professor Marcus Vinicius 'Siri'.



O Exercício Funcional é um método de treinamento que visa o equilíbrio das estruturas musculares e a melhora na performance de atletas. Muitas vezes, por questões estéticas ou mesmo por falta de informações, as pessoas fortalecem a musculatura mais superficial e de forma isolada, sem se preocupar com o movimento com um todo. Isso acontece na musculação convencional. Os músculos fortes ficam cada vez mais fortes, e por consequência, os músculos mais fracos, mas não menos importantes, ficam cada vez mais fracos, o que gera uma desequilíbrio progressivo, com redução da eficiência dos movimentos, tornando-se uma fonte de lesões comuns. A forma com que os exercícios são realizados nos aparelhos convencionais de musculação reduzem a exigência da coordenação e estabilização que o exercício livre exige, pois estes aparelhos já servem como estabilizadores das articulações. 



Folder - Marcus Vinicius Siri / 2012.
Folder  (parte interna) sobre Exercício Funcional desenvolvido pelo Professor Marcus Vinicius 'Siri'.



No treinamento funcional o trabalho muscular não é realizado de forma isolada, ou seja, os exercícios são executados de forma global. Assim, toda a cadeia muscular é fortalecida, gerando mais força, potência muscular, estabilidade, equilíbrio e coordenação motora. Exercício Funcional não é um método novo. É um modelo de treinamento estudado e aperfeiçoado ao longo do tempo por educadores físicos e fisioterapeutas. Além de todas as melhorias mencionadas, o Exercício Funcional serve para o emagrecimento, já que há um alto gasto calórico nas praticas executadas. Se interessou sobre o assunto? Marque uma aula com o Professor Marcus Vinicius Siri e pratique essa modalidade de condicionamento físico.






PATROCÍNIO - FUTSAL - SUB 13









APOIO - FUTSAL - SUB 13









FUTEBOL 7 - PRINCIPAL - Quem será o artilheiro em 2013? Começa a disputa da artilharia na Barra Funda, que teve Diego como artilheiro 4 vezes nos últimos 5 anos.


Alexandre Feijão / 2012.
O meio Diego encerrou o ano de 2012 no 'topo' da artilharia da equipe Principal da Associação Esportiva Barra Funda, com o número de 48 gols, em 27 partidas, totalizando a média de 1,78 gols / jogo.



No próximo jogo de Futebol 7, começará uma disputa particular dentro do elenco de atletas da categoria Principal da Associação Esportiva Barra Funda. Todos os anos, é feito o levantamento de dados para o Ranking de Artilharia do clube na modalidade. Em 2012, por exemplo, o meio Diego encerrou a Temporada com 48 gols marcados em 27 jogos, tendo a excelente média de 1,78 gols por partida. O zagueiro / meio Godião, fechou o ano com 31 gols em 31 jogos, tendo a média de 1 gol por partida. Na 3ª posição de 2012, o ala Juninho fez em 21 jogos, o número de 29 gols, ficando com a segunda melhor média do ano, de 1,38 gols / partida.



Alexandre Feijão / 2011.
O pivô Dentinho 'fechou' a Temporada de 2011, como 3º maior 'goleador' da Barra Funda, ao 'marcar' 9 gols nos 16 jogos que ele fez, ficando com a média de 0,56 gols / jogo.



2012 foi ano da terceira artilharia seguida alcançada do meio Diego. Em 2011, o goleador encerrou a Temporada com a média de 1 gol por jogo, após ele anotar 27 tentos, nas suas 27 apresentações. O ala Juninho ficou com a vice-liderança, ao marcar 14 gols em 18 jogos, com média de 0,78 gols / jogo. O 3º melhor classificado nesse Ranking de 2011, foi o pivô Dentinho, que fez 9 gols em 16 jogos, tendo a média de 0,56. Dentinho não foi o único ao marcar 9 gols naquele ano. O zagueiro / ala Jadson fez o mesmo número de gols, ficando em classificação mais baixa, por ter realizado mais partidas na Temporada: 21 no total.



Alexandre Feijão / 2010.
Na Temporada de estreia na Barra Funda, em 2010, o meio Welton ficou com a 2ª posição no 'Ranking de Artilharia' do clube, com 12 gols, nas partidas disputadas, tendo a média de 0,67 gols / jogo.



Já o ano de 2010, o primeiro da Era Associação (após a mudança do pré nome de Sociedade, para Associação Esportiva Barra Funda), o meio Diego fez 21 gols em 21 jogos, com média de 1 gols por jogo novamente. Já o meio Welton, no seu primeiro ano no clube, fechou a Temporada com a autoria de 12 gols em 18 partidas, ficando com a média de 0,67 gols / jogo. O zagueiro / ala Jadson terminou 2010 na 3ª posição entre os artilheiros, com o número de 9 gols em 17 aparições em campo, tendo a média de 0,53.



Fabrício Koxinha / 2009.
Além de encerrar 2009 como campeão paulista da 2ª Divisão, o ala Juninho também 'sagrou-se' artilheiro na Temporada, após marcar 48 gols em 28 jogos, ficando com a média de 1,71 gols / jogo.



No ano do título do Campeonato Paulista da 2ª Divisão, o grande goleador da equipe foi o ala Juninho. Ao todo, ele fez 48 gols em 28 jogos realizados, ficando com a ótima média de 1,71 gols / jogo. O meio Diego veio na sequência, ao fazer 28 gols em 34 partidas, finalizando a Temporada vitoriosa da Barra Funda, com 0,82 gols por jogo. O 3º colocado nesse Ranking Anual de 2009, foi o pivô Wé, que anotou 14 gols em 12 jogos, tendo a expressiva média de 1,17 gols por atuações.



Alexandre Souza / 2008.
Com ótima média de gols por jogo (de 1,35), o ala / pivô Mico encerrou a Temporada de 2008 na 3ª posição entre os artilheiros da equipe da Barra Funda, com 31 gols em 23 jogos.



Já na primeira participação da Associação Esportiva Barra Funda em competições da Federação Paulista de Futebol 7 Society, no ano de 2008, o grande artilheiro da equipe na Temporada, foi novamente o meio Diego, que fez 59 gols em 43 partidas, com média de 1,37. Na vice colocação desse Ranking, o ala / pivô Beto terminou o ano com 33 gols em 44 jogos, ficando com a média de 0,75 gols / jogos. Com quase média igual ao artilheiro Diego, o pivô Mico fez em 2008 ao todo, 31 gols nos 23 jogos que realizou. Sua média chegou a 1,35 gols / jogos. Apesar de Diego ter sido artilheiro em 4 anos, dos últimos 5, ele ainda não conseguiu alcançar a melhor média de gols por jogo da história da Barra Funda, que pertence ao pivô Felipe, que nos registros do clube até então levantados, marcou 69 gols em 35 jogos, com média de 1,97 gols por partida. O melhor ano de Felipe foi o de 2002, quando anotou 43 gols, em 22 apresentações nos campos de grama sintética, usando a camisa da Barra Funda. Resta agora saber, quem será o goleador de 2013.



Edu Souza / 2003.
Ninguém tem melhor média de gols pela Barra Funda do que ele, o pivô Felipe. Até o momento, o clube 'levantou' o autoria de 69 gols em 35 jogos feitos por ele, o que dá a excelente média de 1,97 gols / jogo.








APOIO - FUTEBOL 7 - PRINCIPAL